• Maismedicina.com.br

O exame PSA e o câncer de próstata

Atualizado: 13 de Fev de 2018

Pelo Urologista Dr Luiz Luna Barbosa


Muitos pacientes coletam de rotina PSA precocemente, ou seja, fora do protocolo de rastreamento do câncer de próstata, sobretudo aqueles que têm histórico familiar positivo para tumor de próstata. A coleta de PSA antes dos 50 anos para a população em geral (todos os homens) ou 45 anos para os pacientes da raça negra (ainda questionável) ou que apresentem parentes de primeiro grau (pai ou irmão) com câncer de próstata, é DESNECESSÁRIA , pois a maioria dos trabalhos demonstra que essas elevações precoces são, na grande totalidade dos casos, por causas inflamatórias (prostatites) e pseudo-elevações, e não de causa tumoral, alem do que o câncer de próstata (adenocarcinoma usual) é mais prevalente após a quinta década de vida.

Mais medicina